Gay desaparecido em Brumadinho está vivo e pede desculpa a marido

Evandro Schwirkowsky gravou vídeo em Salvador e contou que não deu sinal de vida por causa de homofobia do pai

Publicado em 19/04/2019
Gay desaparecido em Brumadinho retorna
Jovem de 23 anos gravou vídeo pedindo desculpas ao marido

A tragédia ocorrida em Brumadinho (MG) em 25 de janeiro teve pelo menos um final feliz.

Curta o Guia Gay BH no Facebook

Um rapaz de 23 anos gravou vídeo relatando que não está dentre as vítimas e pediu desculpas ao marido por ter desaparecido por tanto tempo.

Na terça-feira 16, Evandro Schwirkowsky entrou em contato com a família, em Corupá, no norte de Santa Catarina, para contar que está vivo.

Segundo O Tempo, o Instituto Geral de Perícias (IGP) chegou a coletar material genético do pai de Evandro para comparar com o das vítimas.

O marido de Evandro, Edemilson Jesus Silva, informou, à época, que o jovem estava em Brumadinho em busca de emprego.

No vídeo, divulgado por Evandro, ele conta que saiu da cidade mineira uma hora antes do rompimento da barragem e foi para Salvador, onde vagou pelas ruas.

O motivo? O rapaz alega que desapareceu para não prejudicar Edemilson e com medo de que a sua família o encontrasse em Corupá.

"Eu peço perdão a todos, peço perdão ao meu Deus, peço perdão ao meu companheiro, que foi a pessoa que mais sofreu", disse Evandro no vídeo.

"Fiz tudo isso porque meu pai não aceitava o fato de eu ser gay e ser casado com um homem. Estive mesmo em Brumadinho, mas, pela graça do nosso Deus, saí uma hora antes do ocorrido."


© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.